top of page

Por que eu não comprei o melhor chocolate da feira?

Essa semana está rolando o maior evento de chocolate e cacau da América Latina aqui em Altamira com mais de 200 marcas de chocolate.



Como chocólatra assumido, minha missão era clara: degustar cada pedacinho de felicidade disponível e descobrir o crème de la crème dos chocolates.

 


Logo na entrada, fui recebido por um portal sensorial que me fez sentir como se estivesse caminhando por uma plantação de cacau. Sério, tinha até os passarinhos cantando no fundo.


portal sensorial simulando uma floresta de cacau

Passando por esse portal, você se depara com dois grandes salões cheios de stands de chocolateiros contando suas histórias, oferecendo degustações e, claro, tentando atrair o máximo de clientes possíveis.

 

 

Agora, aqui vai minha estratégia infalível nesses eventos: Eu visito todos os expositores, provo todos os chocolates que oferecem, ouço suas histórias e, para garantir que vou lembrar dos meus favoritos, tiro uma foto do stand.

 

 

É uma forma organizada de explorar o evento e decidir onde vou gastar meu dinheiro (e minhas calorias!).

 

 

Mas então, algo curioso aconteceu…

 

 

Eu estava no céu do chocolate até que, de repente, deparei com algo que me deixou confuso – um stand que não oferecia uma única degustação. Sem amostras, sem provas, nada de “venha e prove nosso chocolate maravilhoso”.


Feira Chocolat Xingu 2024
Chocolat Xingu 2024

Em vez disso, a dona apenas verbalizava: “Nosso chocolate é incrível, você precisa confiar em mim!”

 

 

Ok, mas, sério, quem compra um chocolate sem provar, especialmente quando tem dezenas de outros stands oferecendo amostras grátis e contando suas deliciosas histórias?

 

 

Claro que eu não comprei. E isso me fez pensar…

 

 

E foi nesse momento, cercado por delícias chocolatadas, que me dei conta de uma verdade fundamental sobre projetos ágeis.

 

 

No mundo dos projetos ágeis, a ideia é sempre mostrar o valor do seu trabalho de forma clara e frequente, como os stands que oferecem degustações. Imagine se esses stands apenas dissessem: “Nosso chocolate é ótimo, acredite em nós.” Sem provar, como você saberia?

 

 

O papel de quem lidera um projeto ágil é garantir que todo mundo entenda o que está sendo feito e por que isso é importante.

 

 

Definindo claramente o objetivo do projeto, ou seja, o “sabor” que estamos buscando.

 

Organizando as tarefas do projeto de forma que todos possam ver o que está acontecendo, como uma vitrine de chocolates bem arrumada.

 

Sempre focando nas necessidades dos clientes, garantindo que eles estejam satisfeitos e envolvidos, como um stand que atrai visitantes com histórias e amostras deliciosas.

 

 

Se não fizermos isso bem, é como aquele stand sem degustação – as pessoas não vão se interessar e vão procurar outra opção.

 

 

Assim como não compramos um chocolate sem provar, não podemos esperar que nossos projetos sejam bem-sucedidos sem mostrar claramente seu valor.


Então, aqui vai minha reflexão para você: Como você está “degustando” seu valor para seus clientes? Como você está garantindo que eles vejam e sintam o valor do que você entrega?

 

 

Quer garantir que seus projetos sejam tão irresistíveis quanto o melhor chocolate da feira?

 

 

Então não perca essa chance de se inscrever no PROGRAMACELERA! Clique aqui para agendar o seu bate-papo e definirmos o seu planejamento de estudos.



E, por favor, se você é do tipo que acredita em “chocolates maravilhosos” sem provar, talvez o nosso programa não seja para você… 😄

Comments


©Copyright
bottom of page